Lisboa - Em meados de Setembro, A Sextante irá editar o livro sobre luta pela democracia em Angola intitulado «A Segunda Revolução – Memórias da luta pela democracia» de Jardo Muekalia e estará em Portugal de 7 a 12 de Setembro.


Fonte: Club-k.net
 
É um importante quadro da UNITA na fase pós-independência, hoje residente em Washington, e este seu livro é um importante testemunho dos anos que se seguiram a 1975 até à morte de Jonas Savimbi.

 
Estes importantes e inéditos testemunhos (como o do general Samuel Chiwale, que editámos anteriormente) desempenham um papel esclarecedor em relação a Angola e devem ser conhecidos e julgados pelos angolanos mas também pelos portugueses.

 
«Quero partilhar com os leitores desta obra parte da experiência que vivi quando jovem, durante o processo de independência do país, os anos de guerrilha que se seguiram à proclamação da independência, e o processo de negociação que conduziu às primeiras eleições da história de Angola. Esta é, antes de mais, uma narração dos acontecimentos, vistos do meu ponto de vista, como parte de uma geração, na altura adolescente, que se viu arrastada pelo vendaval da revolução, numa corrida imposta por vontades, desacordos e ambições da geração mais velha.


Esta obra não pretende ser história absoluta. Ela é, como disse acima, apenas uma narração da minha trajectória na luta pela inclusão democrática, relato de uma vida entregue e moldada pela"revolução"» pontualizou Jardo Muekalia.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: