Lisboa -  José Eduardo dos Santos nega, no seu meio familiar,  ser o pai da cidadã Ngutuika Josefa Matias, de 46 anos de idade  que apresenta-se  como sua filha de uma suposta relação  com Elisabeth Kaenje ao tempo que o antigo diplomata do MPLA andou  no Congo. Logo após  ter abordado com o seu núcleo familiar, o estadista angolano viu-se reconfortado em tornar público a sua versão a fim de atenuar eventuais duvidas.


Fonte: Club-k.net

Só o DNA  poderá dizer a verdade

No seio do circulo familiar de JES há a convicção  de que Josefina Matias  não é “mesmo” filha do PR. Invocam que a primeira vez que a mesma se aproximou a personalidades do Clã dos  Santos, Josefina teria sido desafiada  a fazer um teste de DNA mas sem sucesso porque acabara por desaparecer. Em conseqüência do suposto afastamento alguns  membros da família do PR passaram a suspeitar de que estivessem diante de uma “aproveitadora”.

 

Outra argumentação sustentada no circulo familiar de JES, é de que enquanto manteve-se no Congo Kinshasa , o actual líder angolano  não manteve  relação amorosa ou de aproximação com alguma família congolesa.  O líder angolano reiterou esta justificação a quando a sua versão publica a TPA.


 
Por seu turno, do  lado de  Josefina Matias  há a convicção de  que sujeição a um teste de DNA poderá tirar duvidas quanto ao assunto. Notam que há muita coincidência para deixar de ser verdade. Tem revelado datas que coincidem com datas da estadia de JES no Congo, inclusive elementos de informação de uma suposta Igreja com que o PR, a partir da URSS maninha contactos com a falecida mãe da senhora.  Diz-se também que em matéria de fisionomia,  o ultimo filho de Josefina Matias tem  traços semelhantes a JES, incluindo gestuais dos lábios.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: