Luanda - Uma missão económica do Grão-Ducado de Luxemburgo, chefiada pelo Ministro da Economia e do Comércio Externo, Jeannot Krecké, deslocar-se-á a Luanda no próximo dia 1 de Novembro de 2010.

 
Fonte: Angop


De acordo com uma nota de imprensa da Embaixada de Angola no Reino da Bélgica, durante a sua estadia os integrantes da missão manterão vários encontros quer a nível ministerial quer de representantes de empresas angolanas dos diferentes ramos da economia.

 


Das empresas luxemburguesas que participarão pela primeira vez nesta Missão Económica, destacam-se: a SES ASTRA, empresa de Satélites e Comunicações; a CARGOLUX International Airlines, transportadora aérea, que opera com 14 aviões Boeing; a Arcelor Mittal, companhia do ramo Industrial e siderúrgico.

 


A Solartec, ligada ao ramo das energias renováveis; a Simtech Engineering consultancy especializada em Engenharia; a Soludec empresa do sector da construção; a Paul Wurth ligada ao ramo da Industria metalúrgica; a DOMETIC que fornece equipamentos especializados e peças para a indústria do lazer e do turismo; a VIVAVET que distribui produtos químicos e farmacêuticos para uso veterinário, fazem igualmente parte da delegação.

 


Integram a missão a ROTAREX que fornece peças e equipamento para a indústria petrolífera; a EPURAMAT especialista em tratamento e depuração de águas; a INFODATA ligada ao ramo da informática, as empresas JAN DE NUL, BOIVIN, e ainda representantes dos bancos BGL BNP PARIBAS e SOCIETE GENERALE BANK.

 


A Agência Nacional de Investimento Privado «ANIP» organizará uma sessão de informação sobre a economia e a legislação relativa ao investimento privado angolanos.

 


Recorde-se que em Fevereiro do presente ano uma delegação esteve em Luanda para auscultar e preparar a referida Missão, tendo sido recebida pelo vice-ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: