Lisboa - Estimativas fiáveis indicam que há em Angola cerca 3.800/4.000 indivíduos que ostentam a patente de oficial general (generais ou brigadeiros), mas só 150 exercem uma função definida na estrutura das FA ou pertencem ao seu quadro orgânico.


Fonte: AM


Na sua maioria, os remanescentes são pessoas às quais, por razões políticas, sociais e outras, foi conferida a referida patente como garantia de estatuto e de uma pensão vitalícia, esta atribuída pela Caixa Social das Forças Armadas.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: