De acordo com um despacho conjunto dos ministérios da Cultura, Educação e Secretaria de Estado para o Ensino Superior, enviado hoje à Angop, o grupo integra os historiadores Rosa Cruz e Silva, Maria Alexandra Aparício e Manuel Maria Difwila, e os mestres em História, Constança da Rosa Ferreira de Ceita e Fernando Gamboa.

Os antropológos João Alexandre e José Garcia Lumanizáquio, bem como o demógrafo José Garcia Lencastre, fazem igualmente parte do grupo.

Nos âmbito das suas atribuições, o grupo poderá solicitar a colaboração de outros especialistas, visando a melhor prossecução das suas atribuições.

O grupo terá como competências e objectivos gerais apresentar um cronograma de actividades e um memorando sobre as tarefas e desafios que se impõem para Redacção da História Geral de Angola.

Apresentar propostas de intercâmbio ciêntifico passível de beneficiar os estudos de investigação, os pressupostos materiais e humanos necessários para a constituição de uma Comissão de Redacção da História Geral de Angola, bem como um relatório técnico final, no prazo de 90 dias, donde constem, entre outros, as linhas gerais e específicas da Redacção da História Geral de Angola, constam igualmente das suas competências.

Fonte: Angop



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: