2 - Em contra resposta das acusações feitas pelos articulistas acima referenciados foram publicados os seguintes artigos:

- O Club-k dá voz a todos - Osvaldo S. Rodrigues
- Club-K tornou-se num incómodo importante - Pula do Bo
- Mentalidades corrompidas: "A causa das divergências" - Pedro F J Lourenço
- Club-k mantenham firme - Ekuikui
- O “Club-k” é radicalmente contra a burrice e obscurantismo - Feliciano J.R. Cangüe

3 – Cerca de 300 comentários foram postados pelos internautas, nos artigos supra citados para manifestarem as suas inquietações sobre o assunto com o pano de fundo “Club-k é radicalmente “anti-mpla”.

4 – Club-k (Dep. Informação) Parecer oficial

Todos as críticas foram minuciosamente consideradas e louvamos atempadamente a valiosa contribuição de todos os internautas.

a) Linguagem nos comentários
- Um dos aspectos focados pelos críticos em geral foi sobre a linguagem inadequada usada pelos comentaristas:
-  O Dep. de informação do Club-k informa que repudia categoricamente tal linguagem que não dignifica positivamente o nome deste humilde portal informativo.

Como resultado, redobramos os nossos esforços durante os últimos dias e instalou-se um software com sensor (corrector) automático que transformará as palavras inapropriadas com o símbolo (***).

- “Reportar este comentário ao administrador” é outra inovação inserida no espaço de comentários aonde os leitores poderão enviar uma notificação directamente aos administradores sempre que lerem um comentário inadequado.

- Ainda sobre linguagem inapropriada foi igualmente instalado em fase experimental a opção para os comentaristas registados inserirem uma fotografia nos comentários. Com esta opção, acreditamos que os comentaristas irão preservar a sua identidade.

b) “Club-k é radicalmente “anti-mpla”
- A linha editorial deste portal informativo, reveste-se em respeitar a diferença de ideias, opinião e dar voz a todos aqueles que nos contactarem para o efeito.

Neste espaço virtual mais de 70% dos seus visitantes residem no exterior de Angola. Em síntese, este espaço representa principalmente a posição dos angolanos na diáspora.

Consequentemente, este leque (diáspora) maioritário tendo em consideração a localização geográfica, experiencias políticas e sociais quotidianas nos países em que residem, têm uma visão relativamente contrária das políticas de governação em vigor em Angola.

Assim sendo, os comentários no portal, reflectem acima de tudo a visão dos angolanos que por várias razões abandonaram o país.

c) Artigos no portal
- As edições diárias deste portal abarcam notícias e artigos (diversos géneros) de todas as tendências, visões e simpatias políticas. O mesmo acontece com os comentários inseridos nos referidos artigos. Esta direcção não prática a lei de exclusão de ideias. Suportamos sim, a diversidade de correntes de opiniões.

Portanto, os adjectivos qualificativos usados contra esta direcção  -“radicalmente anti-mpla”-, simplesmente não corresponde com a realidade dos factos.

d) Selecção dos temas
 A temática publicada neste espaço virtual corresponde com o anseio da maioria dos leitores. Por exemplo, os artigos de carácter histórico, são os mais lidos e comentados. A razão desta tendência deve-se ao facto de existirem múltiplas versões (publicações) sobre o mesmo assunto. Os internautas procuram saber a fundo todas as possíveis versões. Como resultado, os comentários abarcam múltiplas tendências políticas.

A alocação dos bens de Angola é outro tema que também inquieta os visitantes deste portal informativo. Sempre que é anunciado publicamente os líderes de novos negócios (angolanos) a comunidade na diáspora procura informar-se quanto aos seus reais proprietários.

Os outros temas que também despertam atenção aos visitantes deste site estam relacionados a democracia, políticas administrativas em Angola e ultimamente as movimentações em torno das eleições legislativas.

Em resumo, a linha editorial deste espaço é concreta, objective e imparcial. Os articulistas de opinião com quem o Club-k coopera, complementam os factos noticiosos com análises particulares. Neste aspecto, procuramos a todo custo providenciar as múltiplas versões em torno do mesmo assunto. Os comentaristas e leitores são livres de tirar as suas ilações com base das informações providenciadas.

e) Sondagem
Durante os primeiros dias desta polémica, achamos oportuno dar a voz aos internautas e formulamos a pergunta: O Club-k é radicalmente “anti-MPLA”?

65.7% dos participantes responderam que o Club-k não é radicalmente “anti-MPLA”. Por outro lado, 34.3% afirmam ao contrário.  Participaram no referido inquérito 105 internautas.

Image

Como se pode constatar, a maioria dos visitantes são de opinião que a linha editorial desta praça virtual não é radicalmente “anti-MPLA” como alguns críticos advogam. A mesma sondagem chumba a posição de outros críticos que têm erradamente, e sem sucessos tentado conectar o Club-k como a voz camuflada da UNITA.

O Club-k é um órgão independente e suporta todas as tendências progressistas para Angola. O Club-k não pode ser confundido como um órgão político e com pretensões lucrativas. O Club-k é inspirado em cooperar para uma Angola melhor para todos e foi acima de tudo criando para fazer a diferença no campo informativo angolano.

Diversidade, pluralidade de opiniões, espaço de reflexão e debate aberto sem censura é a meta advogada por esta agremiação.


Artigos relaciondos:

Os administradores do Club-k são burros - Costa Júnior
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=761&Itemid=30

Professor Gangue, eu agradeço, por não me incluir naquela lista - Nelo de Carvalho
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=788&Itemid=11

Club-k é radicalmente “anti-mpla” - Raphael Kizaka
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=765&Itemid=53

O Club-k da voz a todos - Osvaldo S. Rodrigues
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=769&Itemid=53

Club-k mantenham firme - Ekuikui
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=772&Itemid=53

Mentalidades corrompidas: "A causa das disvergências" - Pedro F J Lourenço
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=783&Itemid=53

Club-k o centro da Kwacharada - Nelo de Carvalho
http://club-k.net/index.php?option=com_content&task=view&id=768&Itemid=53


Obrigado pela estima e consideração,


P/ Dep. de Informação


Fonte: Club-k



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: