Luanda -  1- No final da manhã do pretérito Sábado, 27 de Agosto, foi assaltada, por dois supostos meliantes (até ao momento ainda não identificados) e que se faziam transportar numa viatura (cujas caracteristicas já se encontram em posse das autoridades policiais angolanas), ocorrência verificada nas imediações da Vila do N'zeto (ex- Ambrizete), municipio com o mesmo nome, província do Zaire, situado no litoral norte de Angola, há cerca de 270 kms da capital Luanda, a jovem ciclista solitária Sul Africana JONLANDIE-RUST, de 27 anos de idade e natural de Johannesburgo, - que alimenta o sonho ardente de se tornar na primeira mulher a dar a volta ao continente africano em bicicleta "à solo",  tendo, por essa mesma razão, sido obrigada a interromper (temporáriamente) a sua corajosa "Aventura";


Fonte: Cândido Carneiro



2- Como consequência, JOLANDIE-RUST, viu-se privada da sua "LUNA" (a bicicleta que utiliza como meio de transporte) e de todos os seus pertences pessoais e de navegação/orientação;



3- A Policia Nacional angolana, alertada sobre a ocorrência, não regateou esforços nem a meios e, desde Sábado que está no encalço dos supostos meliantes, depois de ter, préviamente, recolhido e garantido a protecção e segurança que eram devidos a jovem Sul Africana (que muito nos orgulhou a todos a quando da sua passagem por Luanda), a qual, como é óbvio, teria ficado em pleno estado de choque e de abandono "a solo" na estrada nacional em que então circulala em tranquila e compassada pedalada, já em direcção à Vila do Tomboco;



4- Faltavam, tão somente, escassos 248 kms e cerca de duas noites e três dias para que, JOLANDIE-RUST, atingisse a Vila do Noki, um dos postos fronteiriços mais a norte de Angola, situado na provincia do Zaire, porta de saida/entrada com a República Democrática do Congo (via Matadi); Contudo, infelizmente o ignóbil acto a que nos reportamos, (a todos os titulos condenáveis, não só por nós os amantes do Eco-Turismo e da Aventura em Angola, mas igualmente, por todos os angolanos que no dia à dia vimos emprestando um pouco de nós próprios para que "Angola se transforme final e definitivamente num lugar bom para se viver"), quartou a oportunidade, uma vez mais, para a que todos "saissemos bem na fotografia" e não se permitisse que a reputação e a credibilidade dos esforços que a todos os titulos uns e outros (incluindo o próprio executivo angolano) vimos desenvolvendo para que a possibilidade de se fazer Turismo em Angola, seja cada vez mais uma realidade insofismável e indesmentível;



5- Dos 14 milhões de cidadão que somos, foram dois, apenas e simplesmente dois dos nossos compatriotas que nos obrigaram a apresentar a Àfrica e ao mundo uma FOTO completamente ofuscada, sem brilho e sem qualidade alguma. Enfim, temos que reconhecer que, tal como também aconteceu em Antananarivo no Madagascar, aqui também, em matéria de Turismo, DESCONSEGUIMOS, é verdade, FOMOS INCOMPETENTES.

Que nos desculpem os nossos Irmãos Sul Africanos amantes do Eco-Turismo e da Aventura;

Que nos desculpem todas as Mulheres Africanas, igualmente amantes do Eco-Turismo e da Aventura;

É bem verdade que da nossa parte sempre nos predispuzemos a dar o melhor e a fazer o que melhor sabemos e estava ao nosso alcance, mas... reconhecidamente, FALHAMOS, ou melhor, DESCONSEGUIMOS, tal como se diz na gíria em Angola;

Por isso mesmo, nossos irmãos da África do Sul e todas as Mulheres Africanas, humildemente, aqui estamos rogando a vossa penitência e o vosso perdão;



6- Ainda no rescaldo da situação a que nos reportamos, tomamos conhecimento, com bastante agrado e, registamos a atitude do Sr. General PEDRO SEBASTIÃO, governador da província do Zaire, o qual tendo assumido o projecto de Jolandie-Rust como de causa própria se tratasse, pessoalmente, fez-se deslocar de imediato, no fatido Sábado, à Vila do N'Zeto, tendo-se inteirado da ocorrência no terreno e convidado a Jovem ciclista sul africana a aceitar os seus préstimos e solidariedade, tendo-a levado consigo e alojado-a confortávemente num dos aposentos do palácio do governo em M`Banza Congo (ex- S. Salvador do Congo) capital da provincia do Zaire que também já fora capital do então Reino do Congo;



7- JOLANDIE-RUST, a corajosa ciclista aventureira sul africana, está bem de saúde, graças a Deus.

Nunca e em momento algum sofreu quaisquer cevícias ou/e agressão fisica por parte dos seus carrascos assaltantes.


JOLANDIE-RUST foi sempre tratada com a dignidade e o respeito que uma jovem visitante e intrépida e corajosa aventureira merece, quer pelos agentes da policia nacional sediados no N'zeto (que de imediato partiram em seu socorro), quer à posteriori, pelas autoridades do governo do Zaire, nomeadamente o seu governador provincial.



Por isso mesmo, nós os que amamos o eco-turismo e a aventura em Angola, sentimo-nos muito felizes, mais tranquilos e imensamente gratos pelo apoio que está sendo prestado pelas autoridades angolanas a JOLANDIE-RUST;



8- Chegou, também, ao nosso conhecimento que o Sr. PEDRO MUTINDI, Ministro da Hotelaria e Turismo do Governo de Angola, igualmente preocupado com o sucedido, fez já deslocar a MBanza Congo uma missão especial do seu ministério, chefiada por um alto responsável do seu gabinete, a fim de transmitir a JOLANDIE-RUST a solidariedade do executivo de angola, neste momento dificil para todos e em particular para ela, emprestando igualmente todo o reconforto de que sabemos, a mesma deve estar a necessitar neste momento; a TREVOGEL-Turismo Rural Ee Aventura, sediada em Luanda, a M.A. Travel & Services, Lda (www.hoteisangola.com), com sede no Lobito (Benguela) e todos os aficcionados do Eco-turismo e da Aventura em Angola, agradecemos e registamos esse gesto humanitário do Sr. Ministro da Hotelaria e Turismo do governo de Angola;



9- Perante tal quadro que nos deixa a todos preocupados, incrédulos e sobretudo revoltados, em virtude dos meliantes ainda se encontrarem "à monte", apesar dos esforços que continuam a ser feitos pala policia nacional no sentido de se resgatar e devolver os bens  roubados à turista sul africana e de se capturar e dar-se o respectivo correctivo aos dois "meninos engraçadinhos e mal criados",  tudo leva a crer que as autoridades angolanas estão a ponderar aconselhar JOLANDIE-RUST, por enquanto, a regressar à casa (Africa do Sul), afim de se reencontrar com a sua família e amigos, recompor-se do susto que, imaginamos, ter sido o estar sujeita a tal estado coisas, rever ou/e reconstituir e reorganizar todo o seu sonho de se vir a transformar na primeira mulher africana a dar a volta ao "continente negro" em bicicleta a solo;



10- Não seria justo da nossa parte terminarmos este primeiro apontamento sobre o caso JOLANDIE-RUST sem expressarmos aqui e em público os nossos mais sinceros agradecimentos ao Comando Geral da Policia Nacional angolana, ao Comissário Salgueiro da Prevenção Rodoviária da policia nacional, que prontamente respondeu ao nosso "pedido de socorro" e que ajudou a despoletar todo o mecanismo de alerta a nivel nacional e provincial (Zaire); ao Sr. Comissário Francisco Massota, comandante da Policia Nacional na Província do Zaire; ao Sr. Comissário Anicete, 2º comandante da P.N. no municipio do N'zeto; ao Sr.Comissário Tony Bernardo, Chefe de Operações da Policia Nacional; ao Comando da Brigada de de Forças Heli-transportadas do Comando Geral da Policia Nacional e a todos os agentes anónimos da policia nacional angolana que, sob o comando dos responsáveis superiores acima citados, tudo fizeram para que, no mais curto espaço de tempo possivel, o resgate, a segurança e a protecção a JOLANDIE-RUST,  fosse exemplarmente assegurada;



10- A Trevogel, continuará a acompanhar muito por dentro o desenrolar de todos os acontecimentos e do evoluir da situação e, promete voltar, com mais pormenores sobre o caso, para melhor informação dos amantes do Eco-turismo e da aventura em Angola e além fronteiras.



JOLANDIE-RUST, ESTAMOS JUNTOS...!

JOLANDIE-RUST WE ARE ALL TOGETHER...!

WE THE ANGOLAN PEOPLE, WE LOVE YOU...!



"KANDANDUS" PARA TODOS!



Cândido Carneiro:-

Charlie-Charlie.-

TM. +244 932 400670

e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.


P.S. - Quem assim o desejar, poderá expressar  pessoal e directamente o seu sentimento de solidariedade a JOLANDIE-RUST, utilizando, para o efeito, o blog referido em epígrafe, o e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  ou ainda através do Cell Phone: +244 938 054934



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: