"Infelizmente não sei quem é o autor porque nós recebemos este e-mail de uma petrolífera, acho que foi da total, e eles também receberam de uma embaixada, mas eu não tenho a certeza, disse o nosso entrevistado", respondeu em condição de anonimato um dos cibernautas em Luanda que reencaminhou o manifesto aos e-mails do Club-k.

"As coisas aqui estão de mal a pior, e o nosso governo nem sequer está a tomar medidas necessárias para combater o crime. E como se não bastasse numa das entrevistas o comandante geral da polícia disse que os nossos bandidos não são profissionais!", acrescentou  a mesma fonte.


Confira em anexo as fotos mais marcantes do manifesto:

Image


Fonte: Club-k.net



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: