Luanda - O jornalista e escritor Domingos da Cruz poderá ser notificado para responder algumas acusações contra si, no tribunal provincial de Luanda, Dona Ana Joaquina, apurou o Club-k de fonte segura.


Fonte: club-k.net

As nossas fontes não confirmaram os crimes que pesam contra o jornalista. Aventa-se a hipótese de que Domingos da Cruz tem casos pendentes na Direcção Nacional de Investigação Criminal-DNIC corridos em 2009, em virtude da sua actividade jornalística. Por outro lado a fonte indicou a possibilidade de tratar-se do caso aberto pela procuradoria geral da República em 2009,que desencadeou um interrogatório de uma hora, fruto artigo intitulado Quando a Guerra é Necessária e Urgente, onde foi acusado de incitar a violência e a guerra.


Contactamos o possível argüido, Domingos da Cruz, mas este afirmou que está inocente sobre estas acuzações porque não recebeu nenhuma notificação com punho oficial. Apesar deste desconhecimento que manifesta, a nossa fonte garante que nos próximos tempos será levado mesmo a julgamento.


É oportuno salientar que DC, chegou ontem em Luanda proveniente do Brasil aonde esteve em actividades académicas e acertar os últimos aspectos referentes ao novo livro que sai em Novembro, Liberdade de Expressão e de Imprensa.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: