Mas como escrevia, Kamalata Numa, (que acompanhava Savimbi no derradeiro dia, e que, afirmou para incredulidade de todo o povo angolano informado que, no momento de aproximação e aniquilação por parte das Forças Armada Angolanas do líder guerrilheiro, ele não se encontrava no local, porque tinha ido colocar as pilhas a carregar ao sol, para depois ouvir o jogo do Sporting de Portugal, pasmem-se! (Creio que é das poucas vezes em que o nome de Portugal aparece associado ao de Angola com certa fortuna)), afirmou recentemente, num acto público de apresentação de apoio por parte de partidos políticos (os tais partidecos, como chamava a luz deles), que, em caso de vitória,  “a Unita compromete-se a dar vantagens políticas, instituições do Governo e empresas públicas dos partidos signatários deste protocolo e após as eleições as duas partes vão reunir para avaliar a situação”!!!

Mas antes de continuar, é bom recordar, que estes partidos não conseguiram legitimar a sua representatividade popular e acção política, porque não conseguiram reunir as assinaturas exigidas para tal, pela Lei, são portanto, partidecos...razão pela qual, decidem prestar o seu apoio a outros partidos, (em nome de quem?), estes sim, com toda legitimidade e legalidade!
Mas voltemos ao cerne da questão: Kamalata Numa, promete publicamente, “dar vantagens políticas, instituições do Governo e empresas públicas dos partidos signatários deste protocolo e após as eleições as duas partes vão reunir para avaliar a situação”!!!

Quer dizer, indivíduos que não conseguem provar representatividade popular, vão ter vantagens nas instituições do governo e nas empresas públicas!

Meus compatriotas, irmãos de luta, sofrimento e esperanças, Onde vamos parar? Isto é sério? Isto é justo? É didáctico? É ético? É esta mudança que nos prometem? É assim que dizem que vão mudar Angola? Claro que vão mudar: para pior...algúns já sabemos isso!

Quer dizer, depois deste sintomático e grave precedente, eu e os meus amigos de esquina, copos, farras e damas...quando começarmos a ficar com os bolsos furados, temos uma genial ideia na Angola da Unita: Vamos fundar um partido político:...vamos fazer umas quantas intervenções públicas, umas quantas passeatas com os nossos amigos e no momento das eleições, prestamos o nosso apoio a um destes partidos que conseguem legitimidade popular e legalidade, já temos tacho:lugares no governo e nas empresas públicas que para recordar são entre outras: a TAAG, A SONANGOL, A ENE, EDEL, AS PORTUÁRIAS, OS CAMINHOS DE FERRO, VARIOS BANCOS,ETC,ETC...Tá fácil, não está meus brother`s?? Isto não é nada sério...isto demonstra falta de “estaleca”, falta de sentido de responsabilidade pública e falta de sentido de estado. Isto demonstra enfim, que os “guerrilheiros”, não sabem o quê governar um país...é aquela Ideia romântica do guerrilheiro, lá nas matas, nas muitas horas ociosas que têm...que fica a pensar: quando nós tomarmos o poder, serei Ministro ou, Chefe do Estado Maior, ou um grande comandante! Não tem, a mas mínima  ideia da responsabilidade que têm aqueles lugares...ele pensa que está legitimado a ocupar aqueles lugares, o resto que se dane, porque eu lutei, entreguei toda a minha vida por isso! É uma questão de mentalidade!

Prometeram transformar o negócio de sobrevivência das  kinguilas em “bancos do povo”!!!Agora prometem dividir, como se fosse uma “presa de guerra” as instituições do governo e as empresas públicas!!! já não há respeito, nem consideração nem nada!
É por isso, que muitos dissemos: não estão preparados, ainda, para governar o país...alguns têm formação, mas nem têm experiência de governação, nem têm vivência de governação civil!
É preciso não voltarmos a cometer os mesmos erros do passado: em 1975, cometemos este erro...custou-nos e ainda custa-nos os “olhos da cara” pelo que estamos a ver e viver! Não há necessidade de voltarmos a passar por isso!

Por isso, vote no partido com experiência, que já cometeu muitos erros, é verdade, mas, tem conhecimentos, sabedoria e capacidade de corrigi-los com um verdadeiro “Mestre de obras”!

Vote no  10, no MPLA, na segurança e na experiência! Não introduz, inutilmente, ruídos na tua vida; luta para uma vida de sossego, tranquilidade, paz e família feliz!

* Ondaka yasunga (Kabazuca)
Fonte: Club-k



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: