Lisboa – O director geral do Instituto Nacional de Desminagem (INAD), Leonardo Severino Sapalo, é tido – nos bastidores da pequena burguesia – como um autêntico aproveitador do título que goza para enriquecer-se ilicitamente, extraviando alguns bens daquela instituição.

 
Fonte: Club-k.net
 

Nos últimos tempos, tem circulado informações que o colocam em  cenários menos abonatórios. Leonardo Sapalo está a ser acusado, em  meios que o rodeiam, de se aponderar de forma abusiva de alguns meios operacionais do INAD, num dos estaleiros sedeado na província do Huambo. 

 

 A título de exemplo, o director geral do INAD terá supostamente se apropriado de quatro camiões de marca Nissan, para posteriormente alienar a um cidadão de nome Victor Jorge, além de ter ofertado cerca de dez geradores ‘novinhos em folha’ aos seus familiares mais próximos que habitam naquela província do centro.     

 

A fonte do Club-k assegura que, Leonardo Sapalo apropriou-se ainda, do mesmo espaço, de centenas de automóveis de várias marcas dentre elas, Jeep, camiões do tipo Pick Ups, Unimog, Man, Volvos, Nissan, Isuzu e máquinas basculante. “Estes materiais se encontram, neste exacto, guardado numa das fazendas do seu progenitor no Huambo”, revelou a fonte.

 

Dentre vários bens adquiridos na veste do director geral do INAD, somente na província do Huambo, constam: uma bomba Delta, uma hospedaria, localizada na rua do Comércio, no município do Huambo; quatro enormes fazendas, milhares de cabeças de gados (alguns são pastados em algures da Vila Nova); várias residências compradas com o fundo do INAD (localizadas no bairro da Colomanda); apartamentos e está, neste exacto momento, a construir dois armazéns junto do departamento provincial do INAD. 

 

Já em Luanda, Leonardo Sapalo adquiriu dezenas de casas localizadas nos bairros Zango I, II e III, no município de Viana. Estas residências, segundo a nossa fonte, estão a disposição de seus familiares e parentes e amigas. Ainda em Viana, o director do INAD tem em sua posse, uma hospedaria de 25 quatros (nas mediações da universidade Piaget, no bairro Capalanga)

 

De recordar que o Instituto Nacional de Desminagem (INAD), ao qual Leonardo Severino Sapalo é director-geral, é uma  instituição estatal que juntamente com a Casa Militar da Presidência da República, Polícia de Guarda Fronteira e Forças Armadas Angolanas (FAA), integra a Comissão Executiva de Desminagem, criada por Decreto Presidencial e coordenada pelo ministro da Assistência e Reinserção Social, João Baptista Kussumua.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: