Luanda - A terceira edição do projecto do Movimento dos Estudantes Angolanos (MEA), denominado “reencontro com a história”, vai contar com a presença do político e nacionalista, Julião Mateus Paulo “Dino Matross”, antigo secretário-geral do MPLA e deputado à Assembleia Nacional, no sábado, 1 de Julho de 2023, no auditório da Casa da Juventude, em Viana.

Fonte: Club-K.net

No lançamento do projecto académico “reencontro com a história”, agora denominado “Njila ya Gissabo”, na língua Kimbundu, que em portguês significa “percurso histórico”, a organização teve como convidado o ex-presidente da UNITA, Isaías Samakuva, encontro que decorreu na Mediateca de Luanda.

 

Na segunda edição, realizado na Casa da Juventude, em Viana, a organização prestigiou o evento tendo como convidado o histórico nacionalista Ngola Kabango, antigo líder da FNLA e que permitiu a presença do actual e do presidente cessante, Nimi-a-Nsima e Lucas Ngonda, respectivamente, que presenciaram a interação com os estudantes.

 

O Movimento dos Estudantes Angolanos (MEA), entende que a história é um elemento que norteia o homem, no tempo e no espaço para que o mesmo consiga viver, e não repetir os erros do passado.

 

“Na tradição oral africana, os mais velhos fazem a passagem da sua sabedoria aos mais novos, a fim de norteá-los da melhor forma”, lê-se numa nota enviada ao Club-K.

 

A organização esclarece que “reencontro com a história é um projecto académico apenas de carácter académico, sem qualquer pendor contrário, apesar de que os convidados sejam mais velhos que actuaram ou actuam em vários ramos da nossa vida social”.

 

“O convite está estendido a todos, que se interessarem, pois, o nosso próximo convidado é o ilustre general Mateus Julião Paulo Dino Matross; por estão convidados”, assinalou Francisco Teixeira, presidente do Movimento dos Estudantes Angolanos (MEA).