Luanda - Com a crescente interconectividade digital e a rápida evolução das tecnologias, a segurança cibernética emergiu como uma das principais preocupações para governos, empresas e cidadãos em todo o mundo.

Fonte: Club-k.net

A colaboração entre o governo, empresas privadas e instituições académicas representa uma abordagem sinérgica na resolução de questões complexas de segurança cibernética. Ao unir recursos e conhecimentos diversificados, somos capazes de construir uma rede robusta e adaptável de especialistas de segurança cibernética, que podem trabalhar em conjunto para antecipar e mitigar ameaças em constante evolução. Além disso, essas parcerias promovem a troca de insights e experiências, possibilitando a implementação de estratégias eficazes de segurança cibernética que se alinham com as demandas específicas de Angola.


Ao estabelecer parcerias público-privadas, há uma oportunidade significativa de facilitar a transferência de conhecimento e tecnologia entre diferentes sectores. As empresas privadas, muitas vezes, têm acesso a tecnologias de ponta e expertise especializada em segurança cibernética, enquanto as instituições académicas são centros de pesquisa e desenvolvimento que geram ideias inovadoras e impulsionam a evolução do conhecimento. Ao colaborar com o governo, essas entidades podem compartilhar as suas descobertas e tecnologias, beneficiando a sociedade como um todo e fortalecendo a postura de segurança cibernética do país.


As parcerias público-privadas não apenas fortalecem a segurança cibernética, mas também impulsionam a inovação tecnológica e económica. Ao integrar soluções de cibersegurança mais avançadas nas nossas infraestruturas digitais, podemos criar um ambiente propício para o crescimento e a diversificação de sectores como fintech, e- commerce e serviços digitais, atraindo investimentos e estimulando o empreendedorismo. Essa abordagem não apenas fortalece a resiliência do sector privado, mas também contribui para o crescimento sustentável e a competitividade de Angola no cenário global.


Neste caminho emocionante rumo a um futuro digital mais seguro e próspero, as parcerias público-privadas representam um pilar fundamental na construção de uma Angola digitalmente resiliente e inovadora. Com um compromisso mútuo e uma abordagem centrada na colaboração, podemos enfrentar com sucesso os desafios emergentes de segurança cibernética e posicionar Angola como um líder regional em protecção digital e inovação tecnológica.


Jacinto Marques, Mestre em Cibersegurança/Governança de TI

Profissional Certificado pela ISACA, ISC2, Ec-Council, ISO, CompTia, Togaf, AWS...
Linkedin: Jacinto Marques