Luanda - A Federação Angolana de Futebol informou esta sexta-feira que não há condições de segurança para jogar no Burkina Faso, sugerindo que o último jogo de apuramento da Taça Africana das Nações (CAN) se realize em terreno neutro ou em Luanda.

Fonte: DN

A posição foi confirmada à agência Lusa, em Luanda, pelo vice-presidente da federação, João Lusivikueno, tendo em conta a agitação civil e militar que se vive naquele país africano.

Nesse sentido, aquele órgão já escreveu à Confederação Africana de Futebol, sugerindo a alteração do local do jogo, agendado para 19 de novembro em Ouagadougou, numa partida que pode ser decisiva no apuramento das duas equipas para a próxima CAN, a disputar em 2015, em Marrocos.

"Estamos a aguardar que a Confederação nos diga alguma coisa, mas achamos que não há condições de segurança, até ao momento. Mas até à realização do jogo ainda faltam 19 dias", admite João Lusivikueno.

A proposta angolana, que recorda situações idênticas vividas noutros países africanos, passa por disputar o jogo, fora do Burkina Faso, outro dos candidatos à passagem.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: