ImageLuanda - Luís Araújo denúncia a existência de indivíduos não identificados na zona do Bagdad e Iraque palco das últimas demolições de comercializar algumas fichas por 100 Kwanzas em seu nome.
 
 O coordenador da direcção da SOS Habitat diz estar preocupado com a situação porque a população afectada não para de ligar para o seu telefone. Segundo o activista André Augusto tudo começou na semana passada. Os populares estão a gastar trezentos kwanzas para adquirir os três exemplares.
 
André Augusto diz que as pessoas estão a ser enganadas por isso pede a intervenção dos agentes da ordem pública. Declarou ser vítima de injúria, indivíduos desconhecidos estão a comercializar na zona do Bagdad e do Iraque algumas fichas em seu nome.
 

Fonte: Radio Eclesia



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: