Luanda - Um cidadão chinês foi ontem raptado por rebeldes numa emboscada ao norte da província angolana de Cabinda.


Fonte: VOA


Os atacantes – que se pensa serem rebeldes da Frente Libertação do Enclave de Cabinda, FLEC - incendiaram uma viatura envolvida nas operações de pesquisa de petróleo em terra. O veículo pertencia á  companhia Sonangol Pesquisa e Produção.


O cidadão chinês seguia a bordo do veículo. O nosso correspondente em Cabinda foi ao local e disse-nos que as autoridades mantêm o silencio sobre o ataque e a identidade do cidadão raptado.



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: