Luanda - A “TV Palanca” já está sob controlo do Estado angolano. O seu sócio maioritário, Manuel António Rabelais, (antigo ministro da Comunicação Social e director do GRECIMA), entregou recentemente a referida estação de televisão à guarda do Serviço Nacional de Recuperação de Activos da Procuradoria-Geral da República, apurou “O Kwanza” junto de fonte judiciária.

Fonte: O Kwanza

Manuel Rabelais terá alegado que a entrega da “TV Palanca” ao Serviço Nacional de Recuperação de Activos da Procuradoria-Geral da República deve-se a problemas de ordem financeira. “Há ordenados em atraso e esgotaram-se as fontes alternativas para manter o projecto”, sublinhou a fonte deste jornal.



Disponível para assinantes, através do provedor de serviços de satélite da África do Sul, DSTV, a “Palanca TV” é uma estação de televisão privada, que começou a emitir aos 15 de Dezembro de 2015.


Entretanto, o anúncio do confisco dos veículos de comunicação detidos pelo grupo “Média Nova” estava previsto para esta sexta-feira, mas terá sido adiado, sine die, a pedido dos acionistas do grupo.

Coincidência ou não, a verdade é que o ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem, tem agendada esta terça-feira, 2 de Junho, uma visita aos veículos de Comunicação detidos pelo grupo “Média Nova”.


Desde a sua elevação ao cargo de ministro das Telecoluinicações, Tecnologias de Informação e Comunicação, Manuel Homem já inspecionou a Rádio Nacional, Televisão Pública de Angola e Angop.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: