Luanda - O Banco Standard Bank convocou uma assembleia-geral extraordinária para destituir o empresário Carlos de São Vicente e o filho Ivo Manuel Neto de São Vicente de administradores não executivos da instituição.


Fonte: Valor Económico

A assembleia está marcada na sede do banco no dia 28 de Dezembro. A reunião visa, além da destituição do empresário e do filho, a eleição de outros administradores não executivos para preencher os lugares deixados por estes.

O documento a que o Valor Económico teve acesso explica que caso não se “verifique quórum necessário para que a assembleia-geral delibere sobre os pontos elencados na ordem de trabalhos, ficam desde já os accionistas convocados para o dia 13 de Janeiro de 2021”.

A destituição de Carlos São Vicente e do filho surge numa altura em que a Procuradoria Geral da República de Angola (PGR) determinou a prisão preventiva do empresário e o arresto de vários dos seus bens, entre eles a participação de 49% que detém no banco. Em causa, está uma investigação que envolve uma conta bancária de Carlos São Vicente, congelada na Suíça, por suspeitas de lavagem de dinheiro com cerca de 900 milhões de dólares.

 



DEBATE NAS REDES SOCIAIS:




DEBATE NO ANÓNIMATO: